Operação Catedral: Ação conjunta fiscaliza irregularidades, ilegalidades e crimes no entorno da Catedral de Pedra, em Canela

Na manhã desta sexta-feira (24/11), cerca de 60 agentes entre fiscais do CRECI-RS, Secretaria de Trânsito e Fiscalização da prefeitura de Canela e policiais civis, além da Associação Comercial e Industrial, realizaram ação para combater ilegais na área central do município. A operação foi motivada por inúmeras denúncias recebidas por todos os órgão públicos e privados nos últimos meses feitas por moradores, turistas e comerciantes.

 

Entre os problemas denunciados, destaque para abordagens a turistas nas ruas para a venda ostensiva de cotas imobiliárias, o que consiste em exercício ilegal da profissão de corretor de imóveis, sujeito a encaminhamento de denúncia penal ao Ministério Público Estadual e abertura de boletim de ocorrência. Foram identificados pela fiscalização do CRECI-RS vários pontos onde os ilegais praticam as abordagens.

 

O apoio da Polícia Civil garantiu a segurança dos fiscais nas autuações onde já existiam antecedentes de reações violentas. De acordo com o delegado titular da Polícia Civil de Canela, Vladimir Medeiros, a operação foi um sucesso e ocorreram várias apreensões e autuações sem ocorrências de violência.

 

Segundo o coordenador da fiscalização do CRECI-RS, Cleber da Costa Santos, foi uma grande oportunidade de identificar e retirar infratores das ruas que vinham promovendo uma prática ostensiva de exercício ilegal da profissão. Na operação ainda foram apreendidos vários produtos irregulares de ambulantes e veículos. O agente fiscal Jeisiel Viana participou da operação.

+